PENSO PENSANDO(Série Apenas Uma Frase) ROBERTA LESSA


11459_10200615284757677_701198492_n.jpg

APENAS SOMO SE HOUVER ADIÇÃO DE PENSAMENTOS. APENAS OLHO SE HOUVER MÍNIMA CHANCE DE MILHÕES DE ÓTICAS EXPLORAR. APENAS SONHO POR SONHAR MESMO SEM NADA MAIS HOUVER.

Published in: on 19 de julho de 2017 at 22:31  Comentários desativados em PENSO PENSANDO(Série Apenas Uma Frase) ROBERTA LESSA  
Tags: , ,

NOJO (Série Apenas Uma Frase)ROBERTA LESSA


154428_10200749626556138_1537511120_n.jpg

TENHO VERGONHA DE PARTE DA HISTÓRIA DE NOSSO PAÍS, NOSSA GENTE MERECE MUITO MAIS QUE RESPEITO, MUITO MAIS QUE ENGÔDOS, FALÁCIAS E SORRISOS HIPÓCRITAS DE QUEM TEM O PODER NAS MÃOS E TEMEM A PERDA DELE E OPRIME DE FORMA VARIADA QUAISQUER FORMA DE LIBERDADE.

Published in: on 19 de julho de 2017 at 22:12  Comentários desativados em NOJO (Série Apenas Uma Frase)ROBERTA LESSA  
Tags: ,

CONTEMPORANEAMENTE (Série Poema no Poema)ARAGON GUERRERO


000.png

QUANDO MENTE PEDE GENTE
Sou contemporânea às árvores seculares que resistem.
Os homens?
– Ah… os homens me esmagam com suas conquistas infrutíferas
SOMO À ISSO O ATO DA POESIA

Sou contemporânea às marés peninsulares que surgem.
Os homens?
– Ah… os homens me assistem com suas vistas melíferas.
SOMO À ISSO O FATO DA MESTRIA

QUANDO GENTE PEDE ENTE
Sou contemporânea às nuvens regulares que partem.
Os homens?
– Ah… os homens me embaraçam com suas ativistas prolíferas.
SOMO À ISSO O EXTRATO DA MAGIA

QUANDO ENTE PEDE PATENTE
Sou contemporânea às trilhas circulares que divertem.
Os homens?
– Ah… os homens me permeiam com suas revistas inúmeras.
SOMO À ISSO O SUBSTRATO DA ALEGORIA

QUANDO PATENTE PEDE URGENTE
Sou contemporânea às roças espetaculares que nutrem.
Os homens?
– Ah… os homens me rodeiam com suas pistas adúlteras.
SOMO À ISSO O CONTRATO DA HERESIA

QUANDO URGENTE PEDE DIFERENTE
Sou contemporânea às montanhas milenares que subsistem.
Os homens?
– Ah… os homens me incendeiam com suas ritualistas vindouras.
SOMO À ISSO O RETRATO DA HARMONIA

QUANDO DIFERENTE PEDE MENTE
Sou contemporânea às cavernas auxiliares que insistem.
Os homens?
– Ah… os homens me impactam com suas moralistas travessuras.
SOMO À ISSO O IMEDIATO DA ALEGRIA

EM DIÁLOGO COM A POESIA “O CONTEMPORÂNEO”, DE AUTORIA DE ARAGON GUERRERO

ACESSO EM: http://www.recantodasletras.com.br/cronicas/5939646

Published in: on 14 de março de 2017 at 14:07  Comentários desativados em CONTEMPORANEAMENTE (Série Poema no Poema)ARAGON GUERRERO  
Tags: , , , , , , , , , ,

CORROÍDO TEMPO CORRIDO – II (Série Apenas Uma Frase)ROBERTA LESSA


539121_4787430916796_1247908455_n

ESSE MEU LADO CAIPIRESCO SEMPRE ME ALERTA PARA TER CUIDADO COM ESSAS TANTAS OPORTUNIDADES TECNOLÓGICAS OFERTADAS, SÍNDROME DESSA SEDE DE MODERNIDADE IRREFLETIDA QUE DOMINA O INTELECTO DE TODOS O QUE ASSIM O PERMITE; AINDA FAÇO CAFÉ NO COADOR DE PANO.

Published in: on 8 de fevereiro de 2017 at 16:39  Comentários desativados em CORROÍDO TEMPO CORRIDO – II (Série Apenas Uma Frase)ROBERTA LESSA  
Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

FOFOQUICES DA TIA RO (Série Filosofiando Ideias) ROBERTA LESSA/ ZEZEZUS


540094_4787447637214_1325626184_n.jpg

 

MEUS INIMIGOS ANDAM DIZENDO QUE EU NÃO SOU MULHER…
QUE EU NO CALDEIRÃO FICO METENDO A MINHA COLHER…
E QUE NÃO UTILIZO A VASSOURA SÓ PARA VARRER…
IMAGINAM QUE UMA MÁ FEITICEIRA DEVO SER…
ACUSANDO-ME DE EXERCER TANTO PODER…
ATÉ SABEM QUE POSSO UNS BENZER…
ATRAVÉS DO MEU BEM DIZER…
AH… DEIXEM-ME VIVER…
VÃO ELES CRESCER…
PARA CRER…
VER….

EM DIÁLOGO COM O TEXTO “CALÚNIAS”, DE AUTORIA DE ZEZEZUS.

 

ACESSO: http://www.recantodasletras.com.br/humor/5883256

Published in: on 8 de fevereiro de 2017 at 14:16  Comentários desativados em FOFOQUICES DA TIA RO (Série Filosofiando Ideias) ROBERTA LESSA/ ZEZEZUS  
Tags: ,

QUÃO DIFÍCIL (Série Reflexiva) ROBERTA LESSA


06Hoje percebo quão difícil é mudar: aterrar sentidos e sentimentos.
PELOS MEUS “HOJES” UM TANTO QUANTO PREENCHIDOS DE AMANHÃS DESEJÁVEIS.
Hoje percebo quão inútil é moldar: valorizar outros e coisas.
PELOS MEUS “HOJES” UM TANTO QUANTO DESEJADO DE AMANHÃS ADIÁVEIS.
Hoje percebo quão fútil é buscar: desnudar matas e fontes.
PELOS MEUS “HOJES” UM TANTO QUANTO ADIADOS DE AMANHÃS DESFRUTÁVEIS.
Hoje percebo quão dúctil é lapidar: defraudar mares e montanhas.
PELOS MEUS “HOJES” UM TANTO QUANTO  DESFRUTADOS DE AMANHÃS AGRADÁVEIS.
Hoje percebo quão táctil é cuidar: debandar medos e equívocos
PELOS MEUS “HOJES” UM TANTO QUANTO AGRADADOS DE AMANHÃS MENSURÁVEIS.
Hoje percebo quão volátil é bradar: discordar verdades e vontades.
PELOS MEUS “HOJES” UM TANTO QUANTO MENSURADOS DE AMANHÃS IMAGINÁVEIS.
Hoje percebo quão eril é ajudar: agradar cegos e mudos

PELOS MEUS “HOJES” UM TANTO QUANTO .IMAGINADOS DE AMANHÃS PREENCHÍVEIS.

Mesmo difícil toda vitória é uma conquista pessoal, individual e intransferível, onde o diálogo maior é consigo e não com a imagem que fazemos do outro, no outro e para o outro.

Published in: on 9 de janeiro de 2017 at 22:04  Comentários desativados em QUÃO DIFÍCIL (Série Reflexiva) ROBERTA LESSA  
Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

COMER BEBER DORMIR (Série Reflexiva) RLESSA


402adf85c7bf1e5524499320e41eaaac

COMILANÇA À PARTE
nossa arte maior é viver harmoniosamente
CONSUMO À PARTE
nossa sorte maior é saber humildemente
DESEJOS À PARTE
nosso porte maior é conter habilidosamente
DIFERENÇAS À PARTE
nosso baluarte maior é ceder hermeticamente
TEMORES À PARTE
nosso descarte maior é prover holisticamente
INIMIGOS À PARTE
nosso flerte maior é antever harmonicamente
PRESENTES À PARTE
nosso corte maior é crescer heraldicamente

ENGODOS FILOSÓFICOS (Série Diálogos Poéticos) ROBERTA LESSA/DEVAL*


tumblr_mwijdsudbl1rsdpaso1_500
Por mentiras não me tomes
Por verdades me consomes
Apena seja forças enormes

 

EM DIÁLOGO COM A POESIA “GOSTOSA MENTIRA”, DE AUTORIA DE DEVAL

Published in: on 4 de setembro de 2016 at 14:55  Comentários desativados em ENGODOS FILOSÓFICOS (Série Diálogos Poéticos) ROBERTA LESSA/DEVAL*  
Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

CARNE NA CARNE DA HUMANIDADE 3 (Série Apenas Uma Frase) ROBERTA LESSA*


e40522b44315951ed2fdc762223704d7

 

 

 … enfim cada um com seu cada um, há hora para tudo: de coração endurecer, de mentes expandirem-se, de agir e fazer cada sua parte, mas sempre com arte, sem mágoas e com a grandeza de saber que somos cada um de nós responsáveis por tudo e por todos…
Published in: on 17 de agosto de 2016 at 21:34  Comentários desativados em CARNE NA CARNE DA HUMANIDADE 3 (Série Apenas Uma Frase) ROBERTA LESSA*  
Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,
O LADO ESCURO DA LUA

Minha maneira de ver, falar, ouvir e pensar o mundo... se quiser, venha comigo...

palavra[interna]

JAMES MORAIS & LAIANA DIAS | BRAZIL | Poesias & Reflexões

Liberte-se!

Tem coisas que só sai da gente por escrito.

Curtir THE Novo

Cultura e entretenimento

marcianossabemler.wordpress.com/

Para gostar tanto de livros, só poder ser ETE!

DITIRAMBOS

Poemas, Ensaios, Críticas, Biografias, Tudo Sobre Poesia e Poetas Realmente Importantes. A Poesia em Diálogo com outras Artes. A isso se propõe o Ditirambos. Haroldo de Campos: Não importa de fato chamar o poema de poema: importa consumi-lo, de uma ou outra forma, como coisa.

Experimentarte

espaço de expressão do artista

Rubem Alves:

Ler é fazer amor com as palavras.(blog sobre Rubem Alves)

Rubem Alves | Blog não oficial

coletânea de textos desse grande Educador

Esquizofrenia das Artes

Blog dedicado a divulgação cultural e artística

Cacos Metafóricos

por Petterson Farias

Nas Duas Margens

Nas duas margens - blogue de Vamberto Freitas

O LIVRO DOS SERES IMAGINÁRIOS

Vivemos pelo poder das coisas que não existem. Por isso, os deuses são tão poderosos. (Paul Valery)

Poesia Lunar

cercada de poesia por todos os lábios

%d blogueiros gostam disto: